Torneiras para a casa de banho

Autor: Vítor Ribeiro
Torneiras para a casa de banho

Muitas vezes falamos da importância do mínimo detalhe no conjunto da decoração. E as torneiras são outra boa amostra deles. 

Estas em teoria são detalhes insignificantes que apenas deveriam ter uma função prática, mas na verdade são elementos que chamam muitíssimo a atenção e que potenciam uma decoração se estiverem bem escolhidos, ou que a deitam por terra se estiverem enganados.

Além disso, as torneiras estão por todas as partes da casa de banho. No lavatório, no duche ou na banheira, no bidé, etc. Pelo que é importante acertar com a sua escolha, e por isso é delas que falaremos hoje.

A primeira coisa que devemos conhecer são os tipos de manípulos que existem e as suas caraterísticas para saber que torneiras se ajustam melhor ao que procuramos conseguir.

O primeiro tipo de manípulos que encontramos é a torneira misturadora, que são torneiras com design moderno e fácil de manejar. Estas são torneiras fáceis de abrir e fechas, com que escolher a quantidade exata que queremos é simples, aspeto muito útil na casa de banho.

Escolher a temperatura da água também é uma tarefa simples com eles, já que apenas devemos levar a alavaca para um lado ou para outro da torneira. Por isso já fazemos uma ideia de como as torneiras misturadoras são práticas.

As torneiras de dois manípulos apresentam (como o seu próprio nome indica) dois manípulos ou chaves, separados entre si. O estilo destes manípulos é, por regra geral, mais tradicional. A mistura da água realiza-se regulando ambas as chaves, pelo que acertar com a temperatura desejada é mais complicado.

Este aspeto menos prático da faz com que energeticamente seja pior que a opção anterior, porque enquanto tentamos acertar a temperatura que desejamos, a água vai correndo e perde-se.

Por último falaremos das mais tecnológicas e das mais práticas. Estas não são outras a não ser as torneiras termostáticas. Este tipo de torneiras incorpora dois manípulos tal como os anteriores, mas as suas funções são totalmente diferentes. Um manípulo regula a força da água e outro a temperatura.

Assim já podemos saber que a precisão com este tipo de torneiras é quase total, pelo que energeticamente são muito ajustados e recomendáveis.

Uma vez vistos os tipos de torneiras que existem, vejamos brevemente os tipos de funcionamento das torneiras, outro aspeto a ter em conta. O sistema clássico é o de compressão, que faz com que a água saia com pressão.

Os modelos mais atuais já possuem o sistema de discos, que além de fazer com que a água saia com mais suavidade, não se desgasta e é mais eficiente. 

Se também queres informação sobre torneiras de cozinha, no Decoração-cozinhas.com encontrarás muita informação sobre os diferentes tipos de cozinha.

Autor: Vítor Ribeiro •  Portal especializado em casas de banho. Somos um guia perfeita para a decoração de casas de banho.